segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Ordem: Escada de Prata

Escada de Prata (Silver Ladder)

Vox Draconis - Voz do Dragão (the Voice of the Dragon) - São reis-sacerdotes que mediam as tradições sagradas, leis e normas e as necessidades daqueles que mediam. Guardiões da cultura, mantendo a Lex Magica e as normas do Consilium, agindo como juízes  São conhecidos como Tearcas (Théach).


segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Summoners: Invocadores Através do Dromo


Invocações dos Espíritos do Reino das Sombra (Arcano Espírito)

sábado, 18 de fevereiro de 2012

Vantagem: Runas e Gestos

Mestres que projetam cada clássico com um conjunto de gestos particulares. Os mudras, descritos no livro básico, são os mais comuns. Alguns clássicos raros usam apenas um tipo de gesto, mas isso geralmente não inibi a capacidade de aprender de um mago. Magos podem aprender clássicos usando qualquer tipo de gesto, mas todos os mudras, asanas e outros gestos são segredos das ordens. Cada ordem usa todo o tipo de gesto, mas as preferências culturais geralmente determiam os gestos. Por exemplo, magos polinésios são conhecidos por suas darshanas (mudras faciais), ou nata, uma dança dos índios norte-americados e katas dos adeptos de Okinawa. 

Vantagem: Saber Gestos (• a •••••)
Pré-requisitos: Desperto, Destreza •••, Ocultismo •••.
Efeitos: Magos são normalmente obrigados a usar os determinados gestos que são "codificados" em um clássico particular. Uma vez que o mago aprende uma versão, é impossível aprender uma outra por qualquer método rápido. Por outro lado, alguns magos são peritos na tradução de um conjunto de gestos em outro. Esses magos podem ver como um asana pode substituir um mudras ou nata, inicialmente aprendidas. Esta é uma habilidade útil porque cada tipo de gesto tem suas próprias limitações inerentes. Magos usando um mudra deve dedicar pelo menos uma mão a eles em vez de carregar um objeto, por exemplo. Use o essa habilidade para simular essa habilidade. 
Para cada ponto desta habilidade, o mago pode substituir um tipo de outro gesto para o clássico que ele aprende. Por exemplo, um mago que sabe uma versão do clássico "controle telepático" que requer mudras, ele poderia lançar uma versão que usa (asanas ou pranayamas, se ele tiver dois pontos de habilidade). Escolha um tipo de gesto (de asana, darshana, mudra, pranayama e nata) para cada ponto adquirido. O mago pode substituir o gesto inerente a um clássico dado qualquer um dos selecionados. 
Desvantagem: É só eficaz para clássicos que o mago sabe. Além disso, não importa quantos gestos o mago sabe, só pode passar um tipo de gesto para clássico.

Vantagem: Saber Glifos (• a •••••)
Pré-requisitos: Desperto, Língua Sublime, Inteligência •••, Ocultismo •••.
Efeitos: Para cada ponto nesta habilidade, um mago automaticamente compreende um tipo de uma na língua sublime de qualquer cultura. As categorias são clássicas (para as ordens de diamante é considerada a escrita atlante pura), Iluminado, Palimpsesto e Vulgar. Não importa a origem cultural selecionada, o mago não precisa rolar dados para compreender. Além disso o mago pode usar as runas para prolongar a duração e substituir as runas dos clássicos aprendidos. 
Desvantagem: É só eficaz para clássicos que o mago sabe. Além disso, não importa quantos gestos o mago sabe, só pode passar um tipo de gesto para clássico.

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Cidade: São Paulo Unveiled

Totalmente baseado no suplemento Boston Unveiled, resolvi escrever sobre o aspecto desperto da cidade de São Paulo. Abaixo vai as principais cabalas das cidade. Notem que os nomes de algumas cabalas e lugares são reais. Cuidado!


domingo, 8 de janeiro de 2012

Tradição Mágica: Cultos Enteógenos

Enteógeno (ou enteogénico) é o estado xamânico ou de êxtase induzida pela ingestão de substâncias alteradoras da consciência. A palavra enteógeno, que significa literalmente "manifestação interior do divino", da mesma raiz da palavra "entusiasmo", que refere à comunhão religiosa sob efeito de substâncias. O uso de plantas (ou fungos) para alteração da consciência e percepção é uma realidade mundial e milenar. Entre as plantas, alguns dos enteógenos mais conhecidos são Ayahuasca, Jurema, Cânabis, Yopo, Peiote, Ololiuqui. Entre os fungos, Psilocybe, Amanita. A farmacologia ainda não chegou a acordo sobre o termo para descrever as suas ações farmacológicas, assim o termo alucinógeno continua sendo a designação predominante entre os cientistas mais tradicionais, apesar da maioria das substâncias não provocar alucinações no sentido clínico. Exitem diversas teorias que sugerem que os enteógenos foram dados pelos deuses para que eles possam comungar com eles, ou por aliens. As drogas são um canal para a sabedoria? São os antigos atlantes? Foi a queda da Atlântida precedida pela escassez repentina dessas substâncias?

sábado, 7 de janeiro de 2012

Grimoire of Grimoires: The Hildebrand Recording

Grimório: The Hildebrand Recording - A gravação de Hildebrand

"...Como você suspeita, ela estava na minha posse. Por apenas cerca de uma semana, na verdade. Isso mesmo, eu tinha ele, ainda que brevemente. Você deve compreender, no entanto, porque é que eu não quis compartilhá-lo com você, como eu prometi, Josephine. É...doentio. Escuro. Os sons não são palavras, embora seja uma linguagem. Eu não posso explicar. Eu não deveria mesmo tentar, exceto para dizer que não é feito para este mundo. 
Quem foi William de Hildebrand, tenho pena dele. Ele estava lá para ver tudo, e eu estremeço só de pensar o que fizeram com ele no final. Você deve ter ouvido os gritos dele. Estou feliz que você não precisa. Você pode se sentir livre para não me perdoar por isso, mas eu vou para tumba, feliz por ter poupado a você a saber o que estava nesse disco."
- Trecho de uma transcrição da gravação de Hildebrand, falante desconhecido.

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Grimoire of Grimoires: Dark Revolution

Grimório: Dark Revolution 

"Dark Revolution tem a marca de um álbum do Schattenbahn: Black Metal/ com batidas industriais, letras intransigentemente hostis e uma continuação da quase-ópera da história "Contra os Atlantes". Ao contrário da oferta anterior, Revolution tem arranjos em camadas profundas - mas não são sempre bem sucedidos. "Evil/Truth’s” é estranha, com backing vocals abstratas fornecem um contraponto ao ritmo assombroso. Os rumores estavam certos: as cinco faixas, é uma espiral texturas sônicas. Às vezes, isso permite que as letras passem em sua mente com devaneio de imagens surpreendentes. É um álbum irregular, com momentos brilhantes".
- devilmusicradio.com, mini review de Peter Dis — 3,5